Precisamos resgatar a nossa história!

  • 5 de junho de 2018
  • Eduardo Lodi
  • Blog
  • 0
  • 1035 Views

Essa célebre frase foi dita pelo saudoso Zé Roberto, em preleção histórica no primeiro jogo de 2015. Naquela ocasião foi muito revolucionária e motivadora tal frase, gerou memes e sobretudo deu confiança ao elenco.

Hoje, depois de sair do fundo do poço e ter conquistado dois títulos nacionais a atmosfera e o status do clube se alteraram, somos visados e melhores, referência em algumas coisas, e invejado em outras.

Porém, o orgulho do torcedor ainda não foi totalmente resgatado. Pelo contrário, precisamos, URGENTEMENTE, resgatar esse brio que desce das arquibancadas. E a única maneira de fazer isso é conquistando títulos. 

Agora, pós sorteio da Libertadores, temos certeza de uma coisa; que para ser campeão teremos que atropelar gigantes. Libertadores é complicado e não se pode escolher adversários, tem que ganhar na alma e coração. Fazer verdadeiras batalhas, dar tudo em cada jogo e ganhar, nem que for nos pênaltis, decisão é confiança, tranquilidade e raça.

Já fomos temidos por aqui, fomos símbolo de raça, alma e grandiosidade. E ganhamos a América em 1999. Agora, precisamos atingir essa marca voltando a ser respeitado, e para isso precisamos resgatar as características de time vencedor, que tem tranquilidade e concentração para decidir jogos grandes.

Temos grandes jogadores que tem confiança baixa e por isso rendem abaixo do esperado. Precisam retomar essa confiança e treinar concentração nos jogos, não pode vacilar, tem que jogar os 90 minutos pronto pra definir. Esperamos um bom desempenho nesses três jogos antes da Copa, e mais ainda, precisamos de uma boa preparação durante a parada da Copa.

Que a diretoria, jogadores e comissão técnica enxerguem esse caminho, façam uma boa preparação, que a Libertadores desse ano promete!

Share: